Baguete sem glúten, sem lácteos e sem gomas

 

Baguete sem glúten - My Delishville 

Estamos no outono novamente e o mês de novembro é para mim um dos mêses mais difíceis. Venta muito e o inverno forte começa a dar os primeiros sinais. Porém a comemoração de Guy Fawkes fez com que fossemos para o parque ver os fogos de artifícios e Manuella ficou encantada com as diversas cores no céu . wow look lá mamãe! It is pink! exclamava ela misturando o Inglês e o Português.

O clima de natal já começou e Londres é um lugar perfeito para quem curte feira de decoração natalina, Santa Groto, muitas luzes, patinação no gelo, vitrinies lindíssimas, mulled wine. Londres é uma cidade realmente encantadora mas, sou o tipo de pessoa que gosta de aproveitar a maior parte do inverno dentro de uma casa quentinha e cheirando pão ou bolo assado.

E quem me acompanha no Instagram ou na minha página do facebook já percebeu que meu forno não tem Descanso nessa época. Biscoitos, frutas, legumes e muito pão estão indo para o forno e são consumidos vapt vupt o que me deixa muito mais empolgada e feliz.

Baguette formato redondo - My delishville

 Essa receita de baguete teve uma aceitação muito boa pelas boquinhas famintas aqui de casa e de meus amigos glutaneiros. Ela foi testada inúmeras vezes e com diferentes quantidades e formatos. Por isso, sugiro que siga a receita como está descrito para poder obter o mesmo resultado que eu. Pequenas mudanças ou substituições vai modificar a textura do pão.

Caso testares, ficaria muito feliz em ler o seu comentário.

  Paezinhos

 

Baguete sem glúten, sem lácteos e sem gomas
Yields 2
Baguete sem glúten, sem lácteos e sem gomas
Write a review
Print
Ingredients
  1. 80g de farinha de arroz – Usei da marca Doves Farm
  2. 80g de fécula de batata
  3. 30g de maizena
  4. 60g de polvilho doce
  5. 35g de farinha de fubá ou farinha de arroz integral
  6. 15g de farelo de linhaça
  7. 14g de farelo de psyllium husk ou casca de psyllium
  8. 10g de fermento granulado de rápida ação para pão
  9. 2 claras
  10. ¼ colher (chá) de bicarbonato de sódio
  11. ½ colher (chá) de sal
  12. 45ml de óleo de girassol
  13. 5ml ou 1 colher de (chá) de vinagre de arroz ou de maçã
  14. 2 colheres (sopa) de açúcar não refinado
  15. 1 xícara (250ml) de água morna
Instructions
  1. Em uma vasilha, coloque 1 colher (sopa) de açúcar, o fermento e a água morna. Mexa bem e deixa repousar por 5 minutos ( até começar a levantar bolhas).
  2. Na tigela da batedeira, coloque todos os ingredientes secos. Em seguida acrescente os ovos, vinagre, óleo e a mistura líquida do fermento. Bata na velocidade média da batedeira por cerca de 8 minutos, desligando de vez em quando para raspar as laterais.
  3. Pegue uma forma rasa ou uma tábua de picar grande e coloque sobre ela uma folha de papel manteiga. Sobre a folha, polvilhe farinha de arroz ou de fubá.
  4. Polvilhe uma superficie com um pouco de farinha de arroz ou de fubá e deite sobre ela a massa do pão. Polvilhe um pouco de farinha em cima da massa e divida-a em duas partes.
  5. Pegue uma parte e molde, carinhosamente, no formato de baguete.
  6. Coloque a baguette sobre a folha de papel manteiga e termine de alisar, polvilhando com mais farinha se necessário. Alise as extremidades para que fique bem bonitinho.
  7. Faça o mesmo processo com a outra metade da massa.
  8. Cubra as baguetes com filme plástico e leve para descansar em local que esteja com uma temperatura em torno de 30C e sem vento.
  9. Deixe descansando até o pão dobrar em volume. O tempo varia de acordo com a temperatura. No inverno leva em torno de 1 hora.
  10. Coloque uma forma rasa, com o fundo para cima, dentro do forno. Caso tiveres pedra de assar ou pedra de pizza, utilize esta.
  11. Coloque uma forma pequena no chão do forno.
  12. Ligue o forno e programe para 200C. Se usares uma forma de alumínio, deixe ela esquentar nessa temperatura por 25 minutos antes de colocar o pão. Se usares a pedra, deixe esquentando por cerca de 45 min.
  13. Quando o pão estiver crescido e a forma quente, retire-o do local, retire o filme plástico e, com uma faca afiada, faça um corte longitudinal em cima de cada baguete.
  14. Abra o forno e, cuidadosamente, peque a folha de papel manteiga com o pão de deslize sobre a forma quente.
  15. Coloque 1 xicara de água fria dentro da forma pequena que está no chão do forno para gerar um vapor imediato.
  16. Feche imediatamente e asse nessa temperatura por 10 minutos; depois, baixe a temperatura para 180C e asse por mais 15-20 minutos, até ficar bem douradinho.
  17. Assim que estiver assado, retire do forno e deixe descansando em uma grade. Deixe esfriar bem antes de cortar.
  18. Obs: Ele fica crocante ao sair do forno mas depois fica uma crosta macia por causa da quantidade de amidos da receita.
Notes
  1. Psyllium Husk: Tem um papel especial na receita e a ausência dele ou mudança de quantidade altera a consistência da massa ainda crua. O psyllium é um tipo de fibra solúvel que émuitas vezes usado como laxantes, controle do nivel de açúcar no sangue, prisão de ventre, e níveis elevados de colesterol. Ele absorve água por isso imita a funcao do gluten nos paes. Vem de um arbusto, erva, chamada Plantago Ovata. Existe ele em pó ou farelo. Nesta receita usei o farelo.
Utensilhos
  1. -Batedeira ( uso kitchen aid)
  2. -Forno – Uso elétrico, Bosch, com ventuínha
  3. -papel manteiga
  4. - 1 forma grande retangular rasa ou 1 tábua de picar
  5. -1 forma grande retangular de aluminio ou uma pedra de assar grande
  6. - 1 forma pequena e baixa – o suficiente para 1 xicara de água
  7. - filme plástico ( clingfilm)
  8. - 1 vasilha pequena
My Delishville http://mydelishville.com.br/
Compartilhe: Email this to someoneShare on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+Share on LinkedInShare on StumbleUponShare on TumblrShare on RedditShare on Yummly

Comments

  1. MARIA CAROLINA mACEDO says

    Oi Leila, parabéns pela receita, lindo resultado! Posso tirar uma dúvida? o q é psyllium husk? Aq em Recife encontro psylliun em pó e em flocos… Farelo de linhaça tb não tenho, farinha de linhaça daria resultado semelhante? O q é clingfilm? O corte no pão é feito depois q ele cresce? Nossa , muito legal! Desculpe por tantas perguntas e muito obrigada!

    • says

      Olá Maria Carolina, obrigada pelo comentario. Eu adicionei mais informacoes no post. O psyllium é um tipo de fibra solúvel que émuitas vezes usado como laxantes, controle do nivel de açúcar no sangue, prisão de ventre, e níveis elevados de colesterol. Ele absorve água por isso imita a funcao do gluten nos paes. Vem de um arbusto, erva, chamada Plantago Ovata. Existe ele em pó ou farelo. Nesta receita usei o farelo, acredito seja o que vc chama de flocos.Veja essa foto http://www.pittaayurveda.com/psyllium-husk/, esse é o farelo que uso. Farelo de linha ou farinha podes usar sim. Clingfilm ja adaptei no post. nem tinha percebido que tinha usado uma palavra em ingles, é filme plastica. SIm é feito 1 minute antes de colocar no forno. Acho que consta no modp de prepare. Nao precisa se desculpar, eu que agradeco por poder detalhar ainda melhor a receita. Caso fizeres, volte aqui para dizer o resultado pois nao tenho experiencia com a farinha de arroz brasileira. abracos

    • says

      Ola Martha, obrigada pelo comentario. Adicionei mais informacoes no post. O psyllium é um tipo de fibra solúvel que émuitas vezes usado como laxantes, controle do nivel de açúcar no sangue, prisão de ventre, e níveis elevados de colesterol. Ele absorve água por isso imita a funcao do gluten nos paes. Vem de um arbusto, erva, chamada Plantago Ovata. Existe ele em pó ou farelo. Nesta receita usei o farelo, acredito seja o que vc chama de flocos.Veja essa foto http://www.pittaayurveda.com/psyllium-husk/, esse é o farelo que uso. abracos

  2. Alessandra says

    Gostaria de confirmar se fecula de batata e potato starch
    Os paes ficaram lindos…so q tb moro fora do brasil e nao tenho certeza se a potato starch e a fevula de batata
    Obrigada

  3. Marluce says

    Mais uma receita exitosa!
    Hoje dediquei toda a tarde chuvosa e fria fazendo pão.
    Sim, segui sua receita paso a passo é deu super certooooo!!!
    Gostaria muito de poder mostrar as fotos, mas como inseri-las?

  4. Lorena says

    Leila, adoro tuas receitas! após muito tempo, por sorte, achei teu novo site. Uma dúvida que sempre tenho, e que surgiu de novo nesta receita: qual a função das claras e das gemas, por separado? Aqui, por exemplo, vão apenas claras… Você saberia dizer? Obrigadíssima por compartilhar tuas receitas maravilhosas!!!

    • says

      Oi Lorena, as claras e gemas tem varias funcoes. Ajudam na estrutura, volume, ajudam a emulsificar, a dar liga e tem tambem o valor nutricional. Eu usei somente claras porque queria um pao mais leve e nao usei as gemais tambem por causa do colesterol.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>